Pesquisar
Close this search box.

Especialistas em política de drogas da Colômbia participam de evento na Luz

30 de setembro de 2017

Evento traz experiência do bairro do Bronx, em Bogotá, também estigmatizado como zona de consumo de crack, e levanta discussão sobre a participação de moradores e trabalhadores da Luz nos projetos propostos pela prefeitura.

Texto / Divulgação
Imagem / Flirck Zezão

São Paulo, setembro de 2017 – Dois especialistas em políticas sociais e urbanas colombianos estarão em São Paulo, no próximo dia 04 de outubro, a partir das 19h, para um encontro com urbanistas e organizações que atuam na região da Luz, no Centro de São Paulo.

David Villanueva, urbanista, co-fundador e coordenador de economia e planejamento urbano do centro de Pensamiento y Acción para la Transición CPAT, e Alejandro Lanz Sánchez, advogado e professor de letras e estudos socioculturais da Universidade de Los Andes, vão compartilhar análises e conclusões do estudo de sua autoria sobre a região do Bronx, bairro situado no centro de Bogotá que abriga o principal “fluxo” da capital, marcada pela presença de usuários de drogas e disputas territoriais.

A dupla participa do Fórum Aberto Mundaréu da Luz, encontro de moradores, trabalhadores, sujeitos e organizações que vivem, atuam ou tem vínculos com a região da Luz , que propõe uma experiência democrática de trasnformação da área. Iniciando a construção colaborativa de um projeto e políticas para a área, o Fórum promoverá duas atividades públicas no mês de outubro.

O primeiro evento, a ser realizado na quarta-feira, 4 de outubro, no Teatro de Conteiner da Cia de Teatro Mungunzá, promove um diálogo entre Villanueva e Sánchez com a urbarnista e professora da FAUUSP Raquel Rolnik e o psicólogo e redutor de danos da ONG É de Lei Thiago Calil. A mesa contará com a mediação de Nathália Oliveira, atual presidente do Conselho Municipal de Políticas de Drogas e Álcool de São Paulo.

“São Paulo e Bogotá, Luz e Cartucho/Bronx, tem muitas semelhanças: ambos são estigmatizados como cracolândias locais, em função das cenas de uso de cocaína fumada/crack. Ambos os bairros sofrem ações violentas por parte da polícia contra os usuários de drogas e combate ao crime, ao mesmo tempo que ambas as cidades discutem planos urbanísticos que envolvem remoções desses moradores”, afirma Raquel Rolnik. “O projeto ‘Centro Novo’ divulgado para a região da Luz no último dia 26 de setembro, pela prefeitura de São Paulo foi construído sem consultar aqueles que estão na região diariamente. A troca de experiências e, principalmente o processo colaborativo de construção de alternativas que respeitam quem está lá hoje é fundamental para discutirmos as políticas para o centro ”, explica.

O segundo evento, que ocorrerá ao longo de todo o sábado, dia 7 de outubro, nas ruas da região, cujo epicentro será o cruzamento da rua Helvetia com a Dino Bueno, abrangerá ações culturais, artísticas, debates e oficinas abertas à participação do público, estruturadas em torno do presente (e trazendo a história e a memória), promovidas por pessoas e organizações que se preocupam, vivem, amam, sonham, cuidam, trabalham e têm vínculos nos espaços culturais, comércios, no fluxo, em pensões, apartamentos, ocupações e movimentos sociais na região da Luz.

Drogas, saúde pública e urbanismo – Diálogo entre São Paulo e Bogotá
Data: Quarta-feira, 04 de outubro de 2017
Horário: 19h às 22h
Local: Teatro de Conteiner Mungunzá
Endereço: Rua dos Gusmões, 43, Santa Ifigênia

Fórum Aberto Mundaréu da Luz – evento cultural/comunitário/colaborativo
“Luz: lembrar para a construção de sentidos no presente”
Data: Sábado, 07 de outubro de 2017
Horário: 11h às 20h. Rua Helvetia esquina com Dino Bueno
Programação ao longo do dia: Painéis; Mapa colaborativo; Inventário participativo e tombamento afetivo; Banquete comum; Estações temáticas: Morar; Estar na rua e conviver; Amar e Cuidar; Trabalhar; Roda de Samba; Rádio poste e web rádio Mundaréu da Luz; Teatro – A Próxima Companhia – Peça ” Os 3 porcos”

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano