Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Filme destaca atuação das mulheres negras na luta por justiça climática

Documentário debate no mês da Consciência Negra a importância do trabalho das mulheres negras na defesa da floresta amazônica
Imagem mostra duas mulheres negras de mãos dadas. Ao fundo, há um rio.

Foto: Divulgação

24 de novembro de 2023

O curta documentário “Tem Floresta em Pé, Tem Mulher”, que debate a importância do trabalho das mulheres negras na defesa da floresta amazônica e por justiça climática, será lançado na próxima segunda-feira (27), em Brasília (DF).

O filme foi produzido pela Oxfam Brasil em parceria com o Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (Miqcb), o Conselho Nacional das Populações Extravistas (CNS) e a Coordenação Nacional de Articulação de Quilombos (Conaq).

A produção faz parte da campanha de mesmo nome que tem como objetivo valorizar as lideranças femininas negras nas florestas brasileiras. Essas mulheres, quilombolas, extrativistas e quebradeiras de coco, estão na linha de frente da luta por seus territórios e por justiça climática. Suas histórias são apresentadas no curta documentário.

“O filme ‘Tem Floresta em Pé, Tem Mulher’ ocorre no mês da Consciência Negra no país, data oportuna para celebrar as mulheres negras defensoras da Amazônia. Será um momento político importante de diálogo das organizações com representantes do governo”, destaca Bárbara Barboza, coordenadora de Justiça Racial e de Gênero da Oxfam Brasil.

Foto: Divulgação

Após a exibição do filme, haverá um debate com: Edel Nazaré Santiago de Moraes, secretária nacional de Povos e Comunidades Tradicionais e Desenvolvimento Rural Sustentável do Ministério do Meio Ambiente; Roberta Eugênio, secretária executiva do Ministério da Igualdade Racial; Selma Dealdina, secretária executiva da Coordenação Nacional de Articulação de Quilombos (Conaq); Maria Nice Machado, secretária de Mulheres do Conselho Nacional das Populações Extrativistas (CNS); Maria Edinalva, vice-coordenadora geral do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB); e Bárbara Barboza, coordenadora de Justiça Racial e de Gênero da Oxfam Brasil (mediadora).

As inscrições e informações sobre o lançamento do filme podem ser obtidas no site. A entrada é gratuita. 

Serviço

Quando: 27 de novembro, segunda-feira, às 20h

Onde: Cine Brasília (Asa Sul EQS 106/107 – Brasília – DF) 

Formato: exibição seguida de debate 

Duração: 1h30 (sendo 15 minutos de exibição, seguida pelo debate) 

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 152

EP 151

Cotidiano