Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Mostra combate intolerância religiosa ao ressaltar presença ancestral na cultura afro-brasileira

Imagens produzidas pela artista visual Denise Camargo enaltecem resistência dos terreiros em São Paulo
Imagem mostra a artista visual Denise Camargo, uma mulher negra, com parte de sua exposição em segundo plano.

Foto: Paulo Pinto / Agência Brasil

10 de janeiro de 2024

O Centro Cultural Fiesp apresenta a exposição fotográfica “E o silêncio nagô calou em mim”. A mostra gratuita localizada na Avenida Paulista, em São Paulo, oferece ao público uma nova perspectiva sobre as religiões de matriz africana no Brasil. A exibição vai até 14 de abril de 2024. 

As imagens produzidas pela educadora, pesquisadora e artista visual, Denise Camargo, foram realizadas desde os anos 1990, e, em sua maioria, produzidas na Casa das Águas, terreiro localizado na cidade de Amador Bueno (SP), onde a artista sempre produziu registros de seu cotidiano.

O local simboliza uma resistência cultural que atravessa a história do Brasil e contribui para a preservação das tradições afro-brasileiras. Na coleção, também há imagens feitas em um templo de vodu, em Nova Orleans, nos Estados Unidos, entre outras que compõem a mostra. 

A proposta nasceu em decorrência da pesquisa poética, iniciada para o doutorado de Denise no Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), com orientação da cantora e bailarina Inaicyra Falcão dos Santos em 2010. 

Em 2013, o projeto se consolidou e realizou itinerâncias em Salvador, Brasília e Santa Catarina. Inédita em São Paulo, a exposição busca dissipar pensamentos carregados de preconceito e intolerância, convidando os visitantes a mergulharem em um ambiente mítico-ritual.

Além das fotografias, a mostra reúne obras como textos poéticos da artista, objetos e um vídeo, editado pelo fotógrafo Guga Ferri. Há ainda um aplicativo, desenvolvido com a cooperação do artista interdisciplinar Fernando Fogliano, que visa proporcionar diálogos com o público para construir uma obra colaborativa.

Serviço

Quando: até 14 de abril 2024, das 10h às 20h

Onde: Galeria de Fotos do Centro Cultural Fiesp, Avenida Paulista, 1313, São Paulo

Entrada Gratuita

  • Mariane Barbosa

    Curiosa por vocação, é movida pela paixão por música, fotografia e diferentes culturas. Já trabalhou com esporte, tecnologia e América Latina, tema em que descobriu o poder da comunicação como ferramenta de defesa dos direitos humanos, princípio que leva em seu jornalismo antirracista e LGBTQIA+.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano