Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Escolas apresentam luxo em alegorias e críticas sociais em SP

Quatorze escolas desfilaram pelo Anhembi na sexta-feira e no sábado; Apuração do carnaval ocorre na terça-feira, dia 13, a partir das 16h com transmissão da Rede Globo
Escolas de samba de São Paulo apresentaram luxo e críticas sociais.

Foto: Acervo Liga

11 de fevereiro de 2024

As quatorze escolas de samba do grupo especial de São Paulo desfilaram na sexta-feira, dia 9, e sábado, dia 10, com alegorias e fantasias luxuosas e mensagens com críticas sociais. A apuração do carnaval ocorre na terça-feira, dia 13, a partir das 16h, com transmissão da Rede Globo e nas redes sociais da Liga das Escolas de Samba de São Paulo.

Agremiações como Dragões da Real, Rosas de Ouro, Acadêmicos do Tatuapé e Império de Casa Verde receberam elogios por parte do público, que as enxerga como favoritas à conquista em São Paulo. As três apresentaram alegorias e fantasias luxuosas, com ótimo acabamento, e evoluções que as credenciam para a vitória.

Críticas sociais também marcaram presença, sobretudo nos desfiles do Camisa Verde e Branco, que homenageou o orixá Oxóssi e contou a história de meninos negos que ascenderam na vida, e do Vai-Vai, que trouxe para a avenida a simulação de um Borba Gato incendiado.

As duas agremiações retornaram ao grupo especial e lutam para ficar na elite da festa em São Paulo. Ambas apostam na força das comunidades para alcançarem boas notas na terça-feira, durante a apuração.

  • Pedro Borges

    Pedro Borges é cofundador, editor-chefe da Alma Preta. Formado pela UNESP, Pedro Borges compôs a equipe do Profissão Repórter e é co-autor do livro "AI-5 50 ANOS - Ainda não terminou de acabar", vencedor do Prêmio Jabuti em 2020 na categoria Artes.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano