Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Lula convida nações caribenhas para Aliança Global contra Fome e Pobreza

O convite foi feito durante a 46ª Conferência de Chefes de Governo da Comunidade do Caribe, nesta quinta-feira (29)
A imagem mostra o presidente da Guiana, Irfaan Ali (esquerda), e o presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (Direita), apertando as mãos após uma reunião bilateral em Georgetown, Guiana, em 29 de fevereiro de 2024.

Foto: Ricardo Stuckert/Brazilian Presidency/AFP

29 de fevereiro de 2024

Durante sua participação na 46ª Conferência de Chefes de Governo da Comunidade do Caribe (Caricom), realizada em Georgetown, na Guiana, o presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva (PT) enfatizou a importância da aproximação entre o Brasil e os países do Caribe, além de abordar questões como a fome, a pobreza e as mudanças climáticas.

Lula destacou a iniciativa defendida no G20 para a criação da Aliança Global contra a Fome e a Pobreza, ressaltando ser um desafio no centro dos debates internacionais. Segundo o presidente, a desigualdade é a raiz desses problemas em todo o mundo.

“Não é possível que um planeta que produz comida suficiente para alimentar toda a população mundial, cerca de 735 milhões de seres humanos não tenham o que comer. (…) Não é possível que o mundo gaste por ano US$ 2,2 trilhões em armas. Todos sabemos: guerras provocam destruição, sofrimento e mortes, sobretudo de civis inocentes”, disse o líder brasileiro.

Em relação à fome, Lula mencionou a disponibilidade do Brasil em fornecer alimentos para o Caribe a preços competitivos e contribuir para aumentar a produtividade agrícola na região. Ele convidou os países da Caricom a se unirem à Aliança Global de Combate à Fome e à Pobreza, que será lançada pela presidência brasileira do G20, visando promover políticas públicas e mobilizar recursos para essa causa.

“Uma das rotas de integração e desenvolvimento prioritárias para meu governo é a do Escudo Guianense, que abrange a Guiana, o Suriname e a Venezuela. Queremos, literalmente, pavimentar nosso caminho para o Caribe. Abriremos corredores capazes de suprir as demandas de abastecimento e fortalecer a segurança alimentar da região”, defendeu em discurso.

Sobre as mudanças climáticas, o presidente brasileiro criticou a falta de compromisso dos países ricos em destinar recursos para os países em desenvolvimento enfrentarem essa crise. Ele reafirmou a posição do Brasil em favor da paz e pediu um cessar-fogo imediato em conflitos como o que ocorre em Gaza.

A participação de Lula na conferência ressalta o compromisso do Brasil em fortalecer laços com o Caribe e trabalhar em conjunto para enfrentar desafios globais, reforçando a importância da cooperação internacional para solucionar questões urgentes como a fome, a pobreza e as mudanças climáticas.

  • Giovanne Ramos

    Jornalista multimídia formado pela UNESP. Atua com gestão e produção de conteúdos para redes sociais. Enxerga na comunicação um papel emancipatório quando exercida com responsabilidade, criticidade, paixão e representatividade.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano