Pesquisar
Close this search box.

Periferias urbanas de São Paulo são tema de curso gratuito da USP

Curso acontece às quartas-feiras, a partir do dia 5; inscrições estão abertas até o dia 31 de maio
Mural sendo pintado pelas artistas Crica Monteiro e Fany Lima, na Fábrica de Cultura Capão Redondo. Arte se enquadra nos temas abordados no curso sobre periferias urbanas de São Paulo, oferecido gratuitamente pela USP.

Foto: Reprodução

25 de maio de 2024

O Centro MariAntonia da Universidade de São Paulo (USP) promove a partir do dia 5 de junho o curso gratuito “Sujeitas e Sujeitos Periféricos: produção de conhecimento, de cultura e de lutas a partir das periferias urbanas”. Ministrado pelo professor, músico e autor Tiaraju Pablo D’Andrea, o curso tem como propósito analisar a cidade e a sociedade a partir das periferias urbanas de São Paulo, destacando diversos processos sociais que ocorrem nesses territórios, com ênfase na produção cultural, de conhecimento e de mobilização política.

Entre os temas abordados estão: formação das periferias no contexto urbano, produção de lutas nas periferias, produção cultural e de conhecimento a partir das periferias.

O curso será composto por quatro encontros presenciais, realizados sempre às quartas-feiras, das 16h30 às 19 horas. As inscrições para as 150 vagas podem ser feitas de forma online, por meio do sistema Apolo da USP, até o dia 31 de maio, através do link. Não haverá seleção por ordem de chegada, pois as vagas serão sorteadas no dia 3 de junho.

Os participantes que alcançarem pelo menos 75% de frequência receberão certificado de participação ao final do curso.

O professor responsável pelo curso, Tiaraju Pablo D’Andrea, é docente da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e coordenador do Centro de Estudos Periféricos. D’Andrea é graduado em ciências sociais, mestre em sociologia urbana (2008) e doutor em sociologia da cultura (2013), todos pela USP. Sua pesquisa de mestrado abordou processos de remoção de favelas na região sudoeste, enquanto seu doutorado investigou a produção cultural das periferias de São Paulo.

Além de sua atuação acadêmica, D’Andrea foi técnico social no Mutirão Paulo Freire, em Cidade Tiradentes, e trabalhou nas favelas do Jardim Panorama e do Real Parque. Ele também ajudou na organização de batucadas populares junto a diversos movimentos sociais e auxiliou na construção do Movimento Cultural das Periferias (MCP).

Serviço

Curso “Sujeitas e Sujeitos Periféricos: produção de conhecimento, de cultura e de lutas a partir das periferias urbanas”

Quando: a partir do dia 5 de junho de 2024

Horário: quartas-feiras, das 16h30 às 19 horas

Local: Centro MariAntonia, USP – R. Maria Antônia, 294 – Vila Buarque, São Paulo (SP)

Inscrições: Até 31 de maio pelo link

  • Giovanne Ramos

    Jornalista multimídia formado pela UNESP. Atua com gestão e produção de conteúdos para redes sociais. Enxerga na comunicação um papel emancipatório quando exercida com responsabilidade, criticidade, paixão e representatividade.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano