Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Jovem é morto atingido por ponta de fuzil de PM na periferia de SP

A Secretaria de Segurança Pública informou que o condutor da moto furou um bloqueio da polícia
A imagem mostra um policial militar segurando um fuzil e dois jovens em uma moto na zona norte de São Paulo.

Foto: Reprodução

26 de fevereiro de 2024

Um rapaz de 21 anos morreu após ser atingido no pescoço pela ponta do fuzil de um policial militar. O homem estava na garupa de uma motocicleta, sem capacete, e teria desobedecido a ordem de parada do agente que estava em uma operação de apreensão de veículos irregulares em um baile funk no bairro da Vila Penteado, periferia da Zona Norte de São Paulo.  

Em um vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver o momento em que o policial caminha em direção a rua, com um fuzil em mãos, e se coloca à frente da moto, que está em alta velocidade. Com o armamento erguido, o policial atinge o jovem, que cai depois de alguns metros de distância. Ele chegou a ser socorrido mas não resistiu ao ferimento. O condutor fugiu.

Em outro vídeo, o jovem já está no chão, coberto de sangue e desacordado. A população questiona a ação dos policiais e culpa os agentes pela morte.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) informou que o agente se feriu no rosto, foi levado ao hospital e liberado. O fuzil foi apreendido e a ocorrência segue sob investigação da 45º Delegacia de Polícia. O caso foi registrado como morte suspeita e desobediência. A Polícia Militar também abriu um inquérito para apurar o caso.

  • Patricia Santos

    Jornalista, poeta, fotógrafa e vídeomaker. Moradora do Jardim São Luis, zona sul de São Paulo, apaixonada por conversas sobre territórios, arte periférica e séries investigativas.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano