Olimpíadas 2024

Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Podcast discute importância de indicação de mulher negra a cargo no STF

Suprema corte nunca teve uma mulher negra em sua composição, embora mulheres e negros correspondam a maioria da população do país

Texto: Redação | Foto: Nelson Jr/STF

Imagem mostra ministros do STF, todos homens brancos.

Foto: Foto: Nelson Jr/STF

24 de agosto de 2023

O Supremo Tribunal Federal (STF), uma das instituições mais poderosas e respeitadas do país, nunca teve uma ministra negra em sua composição, embora mulheres e negros correspondam a mais da metade da população brasileira, de acordo com o Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Diante dessa realidade, o Instituto de Defesa da População Negra (IDPN) lançou uma nova temporada do IDPN Cast, intitulada “Preta Ministra”, para abordar a importância da diversidade na Corte e da indicação de uma mulher negra como prioridade.

Toda terça e quinta-feira, até o dia 7 de setembro, o podcast ganha um novo episódio para falar sobre as atribuições do STF, a importância política e social do supremo e como a representação dos ministros foi escolhida até os dias de hoje. Um dos objetivos é fortalecer a campanha nacional para a indicação de uma mulher negra para a vaga da atual ministra Rosa Weber, que se aposenta do cargo em 2 de outubro.

“Os episódios apresentam de forma didática, com linguagem acessível e conteúdo muito informativo temas sobre o STF, os processos de indicação para as vagas para a Suprema Corte e a urgência por diversidade de gênero e racial no tribunal. É legal dizer que nós fomos até as ruas ouvir o que os cidadãos pensam sobre o assunto e o resultado de aproximar a população dessa discussão foi muito interessante”, explica a diretora jurídica do IDPN e coordenadora do podcast, Juliana Sanches.

A temporada “Preta Ministra” do IDPN Cast tem roteiro de Karen de Souza e foi produzida no Estúdio Kora Lab, no Rio de Janeiro, com trabalhos técnicos de Rodrigo Solidade.

O primeiro episódio, que aborda “por que a indicação de uma mulher negra é prioritária?”, já está disponível no Spotify.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

papo-preto-logo

Cotidiano