Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Senado aprova plano de metas para combate à violência contra a mulher

O PL condiciona recursos federais de direitos humanos e segurança pública à apresentação regular dos planos de metas para o enfrentamento da violência contra mulher
Na foto, o prédio do Congresso Nacional, onde fica o Senado Federal.

Foto: Reprodução / EBC

10 de abril de 2024

Na última terça-feira (9), o Senado Federal aprovou um Projeto de Lei (PL) que prevê a criação de um plano de metas para o enfrentamento integrado da violência doméstica e familiar contra a mulher. De autoria da ex-deputada Leandre (PSD-PR), a legislação valerá para os estados, municípios e o Distrito Federal.

O PL 501/2019 também estabelece a criação da Rede Estadual de Enfrentamento da Violência contra a Mulher e da Rede de Atendimento à Mulher em Situação de Violência, que devem ser compostas por órgãos públicos de justiça, saúde, segurança, assistência social, educação, direitos humanos e representantes da sociedade civil.

O plano terá validade de dez anos, tendo atualização obrigatória a cada dois anos. Além das metas, o projeto dispõe de outras medidas para garantia da atenção humanizada à mulher em situação de violência.

Entre as medidas, estão a disponibilização de dispositivo móvel de segurança que viabilize a proteção e integridade física da mulher, a expansão das delegacias de atendimento à mulher e a criação de campanhas de conscientização.

Também está prevista a reeducação e acompanhamento psicossocial do agressor, além da criação de uma disciplina específica de enfrentamento contra a mulher nos cursos regulares das instituições policiais.

O projeto determina que somente os estados e municípios que apresentarem regularmente os planos de metas terão acesso aos recursos federais relacionados à segurança pública e aos direitos humanos.

  • Verônica Serpa

    Graduanda de Jornalismo pela UNESP e caiçara do litoral norte de SP. Acredito na comunicação como forma de emancipação para populações tradicionais e marginalizadas. Apaixonada por fotografia, gastronomia e hip-hop.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano