Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Polícia Federal fecha três garimpos em Terra Indígena Kayapó no Pará

O território é um dos mais devastados do país pela ação dos garimpeiros
Polícia Federal fecha garimpos clandestinos na Terra Indígena Kayapó, no Pará.

Foto: Polícia Federal/Divulgação

16 de maio de 2024

A Polícia Federal (PF) encerrou três garimpos ilegais de ouro na região conhecida como “Garimpo da Pista Branca”, localizada na Terra Indígena (TI) Kayapó, em Bannach, Pará. A ação faz parte de uma operação para combater crimes ambientais e de extração ilegal de minérios na área.

Na ação, um celular foi apreendido, além de três escavadeiras hidráulicas, quatro motores, três estruturas de apoio, duas caixas de coleta de ouro (estrovengas) e uma moto serem inutilizadas. A PF identificou os responsáveis pelos crimes, que serão responsabilizados em inquéritos a serem instaurados.

A TI Kayapó faz parte da lista de terras indígenas que sofrerão desintrusão, isto é, retirada de intrusos, por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF). Essa é uma das terras indígenas mais devastadas do país pela ação indiscriminada dos garimpeiros.

A atividade de proteção ao meio ambiente marcou o início de uma série de operações que serão realizadas este ano pela Polícia Federal e que antecederão a desintrusão prevista pelo STF.

  • Mariane Barbosa

    Curiosa por vocação, é movida pela paixão por música, fotografia e diferentes culturas. Já trabalhou com esporte, tecnologia e América Latina, tema em que descobriu o poder da comunicação como ferramenta de defesa dos direitos humanos, princípio que leva em seu jornalismo antirracista e LGBTQIA+.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

EP 153

EP 152

Cotidiano