Pesquisar
Close this search box.

Exposição homenageia resistência negra na data em que se recorda os 130 anos da abolição

10 de maio de 2018

Desenhos tiveram da curadoria do Alma Preta e da Feira Preta e foram realizados pelo artista plástico Vinicius de Araújo. Entre os homenageados estão nomes como Abdias Nascimento, Erica Malunguinho, Milton Santos, e Dona Ivone Lara

Texto / Pedro Borges
Imagem / Divulgação

Os 130 anos da abolição da escravatura são o tema da exposição organizada pelo Alma Preta e pela Feira Preta e apresentada ao público no dia 13 de Maio, domingo, no Festival Pretas Potências, que ocorre das 14h às 20h, no Centro Cultural São Paulo, Rua Vergueiro, número 1000.

O projeto plástico “Pretas Potências”, de autoria do artista Vinicius de Araújo, retrata 13 manifestações inventivas e de resistência da comunidade negra no período pós abolição da escravatura.

Os 13 universos selecionados para a homenagem são Territórios, Empreendedorismo, Funk, Hip Hop, Literatura, Danças, Teatro, Religião, Capoeira, Gastronomia, Samba, Intelectualidade e Culturas Tradicionais.

“Apesar do desafio de selecionar somente 13 universos de resistência e criatividade da comunidade negra, foi um prazer homenagear figuras que constroem e resgatam nosso valor. São pretas e pretos que muito lutaram durante esses 130 anos pós abolição e que mostram pras próximas gerações a potência do nosso povo”, explica Vinicius de Araújo, artista plástico que assina a exposição.

Para cada universo, optou-se por um representante, e decidiu-se homenagear nomes de destaque na história de resistência da população negra, como Abdias Nascimento, Oswaldo de Camargo, Dona Ivone Lara, Sharylaine, Mãe Juju D’Oxum, Erica Malunguinho, Milton Santos, entre outras e outros.

“É fundamental ressaltar a potência criativa da população negra. Essa qualidade, diante do contexto social de exclusão a que a comunidade negra foi colocada, é o que permitiu a nossa sobrevivência”, explica Adriana Barbosa, idealizadora da Feira Preta e também curadora da exposição.

As obras poderão ser apreciadas durante toda a programação do Festival Pretas Potências. Para além da exposição, haverá venda de diversos produtos, como roupas, livros, alimentos, todos produzidos por empreendedores negros.

O fechamento do Festival terá show de Fabiana Cozza, com uma homenagem a Dona Ivone Lara, e apresentação de MC Soffia, que cantará todo seu repertório com foco no público infantil negro.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

papo-preto-logo

Cotidiano