Pesquisar
Close this search box.

Taís Araújo dá voz a personagem originalmente dublada por Viola Davis: ‘Referência’

A atriz brasileira dubla a Camaleoa, vilã de "Kung Fu Panda 4". Nova animação da franquia chegou aos cinemas brasileiros em 21 de março
Imagem mostra uma montagem com fotos das atrizes Taís Araújo e Viola Davis,

Foto: Reprodução/Instagram

23 de março de 2024

A atriz Taís Araújo empresta sua voz para a vilã Camaleoa em “Kung Fu Panda 4”, que acaba de chegar aos cinemas brasileiros. Na versão original, a personagem é dublada por Viola Davis.

Em entrevista exclusiva à Alma Preta, Taís contou que foi uma grande responsabilidade dar voz a uma personagem dublada pela atriz afro-americana, uma de suas referências na atuação.

“Eu fui fazer o teste animadona, mas com o entendimento do que a Viola significa para mim, uma das maiores referências que eu tenho hoje. Quando eu passei no teste, pensei no que eu poderia dar de melhor para essa personagem, foi um misto de alegria, desespero, honra e preocupação”, compartilha.

“Eu pensei que tinha que ser bom e não algo que fosse me intimidar e ao mesmo tempo tive que reconhecer que eu e a Viola somos mulheres negras muito diferentes, com históricos muito diferentes, pesos muito diferentes”, completa a atriz.

A Camaleoa é  uma feiticeira poderosa e rival do protagonista Po no quarto filme da franquia de sucesso, que liderou as bilheterias nos Estados Unidos antes de sua estreia no Brasil, em 21 de março. A personagem é um pequeno lagarto-fêmea e se destaca por sua capacidade de se transformar em todos os vilões da animação, dirigida por Mike Mitchell.

Taís Araújo soma quase 30 anos de carreira, divididos entre novelas, filmes e séries de sucesso, além da apresentação de programas de televisão. Talentosa, a atriz valoriza a autenticidade em seus trabalhos e na nova dublagem não foi diferente.

“Não adianta eu querer imitar a Viola Davis, ela tem que servir para mim como referência e uma excelente referência. A gente não pode cair na cilada da imitação, de querer ser o que não é. A Viola é única, especial e maravilhosa”, descreve.

No time de dublagem de “Kung Fu Panda 4”, se juntam a Taís Araújo, os também atores Lúcio Mauro Filho (Po) e Danni Suzuki (Jhen). No longa, o urso panda, fera em artes marciais, é convocado para se tornar o líder espiritual do Vale da Paz e precisa treinar alguém para ocupar seu lugar, mas em seu caminho o Dragão Guerreiro enfrenta a Camaleoa, desencadeando uma nova aventura com emocionantes reviravoltas.

Dezesseis anos separam o primeiro e o quarto filme da franquia. O primeiro foi lançado em 2008 e desde então teve Lúcio Mauro Filho como dublador de Po no Brasil. Ele contou sobre o carinho que adquiriu pelo urso.

“O carinho é imediato porque o Po é de uma fofura, uma coisa meio estabanada. Eu me encontro com o Po em vários aspectos, então é um personagem que me cativou de cara. Eu fiquei encantado com o universo do filme. Agora, realmente, estar no quarto filme eu não imaginava. Todo trabalho que você consegue ter uma longevidade te faz ter um carinho não só pelo personagem como por essa trajetória”.

Confira a entrevista completa:

  • Nataly Simões

    Jornalista de formação e editora na Alma Preta. Passagens por UOL, Estadão, Automotive Business, Educação e Território, entre outras mídias.

Leia Mais

Quer receber nossa newsletter?

Destaques

AudioVisual

Podcast

papo-preto-logo

Cotidiano